sexta-feira, 9 de março de 2012

UM DIÁLOGO QUE GERA VIDA

Ao longo dos anos tenho aprendido algo: Quanto mais o tempo passa, 
menos o cristão sabe orar. Infelizmente o diálogo com Deus virou 
um monólogo, não passando de uma simples "decoreba", popularmente 
falando. Temos o mal hábito de nos acharmos superiores aos católicos, 
que utilizam as rezas como orações, porém, na maioria das vezes, 
fazemos pior. 



Parece que estou pegando pesado demais, mas esta é a realidade. 
O Cristianismo vem perdendo a sua essência. Chegamos diante de Deus apenas para pedir, pedir e pedir. Em momentos de louvor, cantamos e declaramos palavras bonitas ao Senhor, mas nossa mente encontra-se 
bem longe do ato, e não atentamos para o que estamos dizendo à Ele. 

Uma canção muito conhecida e cantada pelo Brasil inteiro, não somente 
no meio gospel, é FAZ UM MILAGRE EM MIM. Você já parou para analisar o que diz esta letra? "Entra na minha casa, entra na minha vida. 
MEXE COM MINHA ESTRUTURA, sara todas as feridas...". 
Quando cantamos isso, estamos dizendo: "Senhor, eu te entrego todo 
o meu ser. Faça o que o Senhor quiser...". É o mesmo que chegar para 
um pedreiro e dar à ele liberdade total para fazer de sua casa o que bem entender. Se for preciso derrubá-la e reconstruí-la, assim o fará. Entenda, 
não estou questionando o fato de você se entregar ao Senhor. 
Pelo contrário, esta entrega é necessária. Mas até que ponto você está disposto a se entregar à Ele?
Em Mateus 6 Jesus deixou alguns princípios a serem seguidos, 
no que diz respeito a oração:

"E quando vocês orarem, não sejam como os hipócritas. 
Eles gostam de ficar orando em pé nas sinagogas e nas esquinas, 
a fim de serem vistos pelos outros..."



Pare de orar para que os outros vejam. A oração é uma conversa, 
um diálogo com Deus. Com certeza você já teve a experiência de falar 
com alguém que não olha pra você. Até lhe responde, mas trata você
 como se nem estivesse ali. É horrível. Da mesma forma, precisamos 
estar ligados com Deus, atentos não apenas para  o que estamos 
falando, mas também para o que Ele tem à nos dizer. Se pedirmos ao 
Senhor para "quebrar o vaso e fazer de novo", assim Ele fará. 
Se pedirmos à Ele para mexer em nossas estruturas, tenha certeza... 
Ele vai mexer. E quando o fizer, não reclame... É um processo! 
Lembre-se: Toda mudança, gera um desconforto.

Palavra dura? Sim, com certeza. Mas está na hora de mudarmos 
e vivermos a essência real do cristianismo. A oração é o combustível 
para cristão. Sem ela, não há quem resista os ataques de Satanás. 
Mas seja sincero ao fazê-la. Atente-se para o que você está dizendo ao Senhor, e você verá quão poderosa é esta arma que você tem 
em suas mãos... A ORAÇÃO!



RAFAEL SANTIAGO